Tecnologia

Impressão 3D: o que é e como funciona uma?

Uma Impressora 3D transforma modelos virtuais em objetos reais.

Conhecido também como fabricação aditiva, o processo desenvolvido pela impressão 3D pode ser definido como a criação de objetos por decomposição de camadas utilizando como base um modelo digital.

Para criar um processo de impressão 3D é necessário fazer a utilização de: software de edição, hardware, materiais apropriados e muita imaginação.

Este tipo de impressão atende diversos fins, como fabricar, testar e montar peças de forma rápida, antes de inserir o produto acabado em linha de produção ou para imprimir algo completamente novo.

gif de uma impressora 3d realizando uma impressão 3d

Sendo uma ótima aliada na hora de melhorar o design de um produto e de fazer uma conferência das funcionalidades oferecidas pelo mesmo. Portanto, ela tem papel ativo na criação de modelos de estudo, análise e simulação de algo que venha a ser fabricado ou construído.

A Impressão 3D continua em constante evolução.

No entanto, com o passar dos anos a impressão 3D foi evoluindo e, hoje, já não é mais utilizada exclusivamente para fabricar protótipos de teste.

A principal mudança se deu através da variedade de novos materiais que possibilitam a criação de objetos mais sofisticados.

Inicialmente, as peças eram criadas apenas com o plástico, mas agora, as máquinas podem fabricar objetos em cerâmica e metais, como titânio, aço e alumínio.

maquete de uma casa criada por impressão 3d.
Maquete criada com a impressora 3D.

Para criar um objeto com a impressora 3D é necessário ter disponível um arquivo com o modelo tridimensional e as especificações exatas da geometria do objeto em produção.

O software associado à impressora traduz a informação em várias camadas, uma espécie de caminho por onde a agulha da impressora irá percorrer, similarmente a impressoras comuns.

Porém, o objeto impresso ultrapassa a dimensão do papel e tem sua altura também dimensionada.

A técnica de modelagem em impressão 3D envolve o uso de um bico injetor quente que derrete o filamento de plástico ou de outro material e, assim, as camadas do produto começam a ser formadas sobre uma base.

Existem modelos mais atuais que utilizam lazer para o derretimento e dão forma aos materiais de metal e outros mais resistentes.

A Impressão 3D no Brasil

Agora que já sabemos o que é e como funciona uma impressora 3D, a dúvida é: onde encontrar esse serviço?

No brasil, esse marcado ainda não é muito maduro, porém encontramos empresas como a Imprima 3D, onde o cliente poderá encaminhar o modelo virtual com medidas exatas que será impresso por eles e enviado pelo correio.

Além desse tipo de serviço, existem alguns centros de integração e tecnologia, nos quais você encontra impressoras disponíveis para uso. Infelizmente, aqui no Brasil essa prática ainda é pouco usual, portanto, não encontramos centros com máquinas disponíveis em qualquer região.

Em São Paulo, encontram-se 12 laboratórios públicos equipados com impressoras 3D e demais aparelhos tecnológicos, conhecidos por Fab Labs, onde pessoas podem desenvolver projetos em conjunto ou individuais.

A tecnologia de impressão 3D veio para ficar, está cada vez mais acessível e tem muito potencial a ser explorado.

Gostou deste artigo? Acesse o nosso blog e fique à frente do mercado com as principais notícias e conteúdos sobre o mercado de construção.

Deixe uma resposta